Notícias

ASSEMBLEIA DE MINAS QUER PROIBIR OPEN BAR NOS EVENTOS!!!

27 de novembro de 2015
09:36

Projeto de Lei (PL) 704/15, de autoria do deputado Roberto Andrade (PTN), teve parecer pela legalidade aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), nesta quarta-feira (25/11/15). A proposição pretende proibir a exploração de atividade econômica que consista na realização de eventos abertos ao público com cobrança de ingresso que permita o consumo liberado de bebidas alcoólicas, conhecidos como eventos open bar. O relator, deputado Isauro Calais (PMN), opinou favoravelmente à matéria, na forma do substitutivo nº 1, que apresentou.

Também é objetivo do projeto de lei coibir a modalidade que vincule a entrada em estabelecimentos à consumação mínima de bebidas alcoólicas. Para tanto, conceitua como eventos open bar aqueles cujo valor de consumo de bebidas esteja embutido no preço do ingresso.

Em seguida, a matéria estabelece como condição à concessão de licença para realização de evento ou do alvará de funcionamento a comprovação prévia à autoridade competente de que o evento ou o estabelecimento não realizam as práticas por ela vedadas. Finalmente, fixa as sanções cabíveis em caso de descumprimento de seus mandamentos.

Ao final do seu parecer, o relator apresentou o substitutivo nº 1, que faz adequação ao texto quanto à técnica legislativa. O projeto, agora, segue para a Comissão de Defesa do Consumidor e do Contribuinte.

Assembleia de Minas quer proibir OPEN BAR nos eventos!!!
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram

MAIS NOTÍCIAS

TV ABRAPE

Presidente da ABRAPE vê possíveis eventos restritos a vacinados
Já se perderam 450 mil empregos no setor de eventos, diz presidente da ABRAPE
“Além dos prejuízos, temos que lidar com a incerteza de quanto os eventos retornará” – CB.Poder
“Uma forma de atender os trabalhadores informais é manter as empresas vivas” – CB. Poder
“Não estamos pedindo a retomada, mas sim condições para manter as empresas vivas”
VACINA PARA TODAS – Uma campanha do Movimento Supera Turismo