Notícias

TAXA DE CONVENIÊNCIA – MINAS GERAIS

17 de abril de 2019
14:03

Tentando antecipar possíveis consequências da decisão tomada pelo STJ contra a Ingresso Rápido e preocupada com as interpretações que podem ser dadas a respeito da taxa de conveniência, a ABRAPE levou a questão para o presidente da Comissão do Consumidor e Contribuinte da Assembléia Legislativa de MG, deputado Bartô do NOVO. 

Na reunião, que aconteceu na manhã desta terça, estavam presentes o diretor da ABRAPE, Marcos Naves, e o representante da ABREVIN – Associação Brasileira de Empresas de Venda de Ingresso, João Kitsis. Foi mostrada ao deputado a importância do setor no mercado de eventos e entregue um relatório detalhado da operação das Ticketeiras. 

O deputado Bartô se colocou à disposição para trabalhar num Projeto de Lei Estadual proposto pelas entidades que deixe a operação mais segura para toda a cadeia que envolve a venda de ingressos no estado.

Taxa de Conveniência - Minas Gerais
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram

MAIS NOTÍCIAS

TV ABRAPE

Presidente da ABRAPE vê possíveis eventos restritos a vacinados
Já se perderam 450 mil empregos no setor de eventos, diz presidente da ABRAPE
“Além dos prejuízos, temos que lidar com a incerteza de quanto os eventos retornará” – CB.Poder
“Uma forma de atender os trabalhadores informais é manter as empresas vivas” – CB. Poder
“Não estamos pedindo a retomada, mas sim condições para manter as empresas vivas”
VACINA PARA TODAS – Uma campanha do Movimento Supera Turismo